Trata-se de unir a realidade com o seu significado. Nenhuma estratégia pode ser elaborada sem dados fidedignos e adequados aos objetivos visados.

Extrair das pesquisas as informações úteis e aplicá-las; avaliar a qualidade da coleta dos dados e interpretar seu significado para saber introduzi-los ação política.

Distinguir nas pesquisas o que pode ser e o que não deve ser feito, ajustar o conhecimento com a ação.
Unir o que o eleitor diz ou pensa com o que a comunicação deve pensar e dizer.

Orientar a comunicação de quem deseja obter o apoio e o voto dos eleitores orientando sua ação de modo a descobrir: quem é o eleitor, o que ele espera, o que propor e como se comunicar melhor.